terça-feira, 26 de maio de 2015

Mercedes Challenge: Confiante, Roger Sandoval aposta em bom resultado na terceira etapa

Sandoval de volta às "Merças"

Mais um gaúcho no grid do Mercedes Challenge. Roger Sandoval está de volta à categoria, agora em "vôo solo", e pela Mottin Racing. Segue, abaixo, release da Schaefer Assessoria.

Apesar de admitir que a etapa de Ribeirão Preto da Mercedes-Benz Challenge não saiu como o esperado, o piloto Roger Sandoval, que fez sua estreia na equipe Mottin Racing, acredita que para a segunda prova, que será disputada no Autódromo Internacional de Curitiba no próximo dia 31 de maio, o resultado será diferente.

O desempenho e entrosamento com a equipe no decorrer do fim de semana demonstraram que o piloto está no caminho certo visando melhores resultados na competição.


Carro ainda nos preparativos

"Embora não tenha conseguido o resultado desejado, a prova indicou que temos condições de brigar por vitórias e conquistar o os bons resultados, que é o nosso principal objetivo nesta temporada, estou correndo sozinho agora, os resultados dependem de mim e de um bom trabalho da equipe", ressaltou Sandoval.

Com a confiança de contar com um carro competitivo e uma equipe pronta para atender todas as necessidades, Sandoval promete brigar pela vitória em Curitiba e se diz preparado para não deixar a chance escapar.

Sobre a pista da terceira etapa, o piloto tem relatos positivos. "É uma pista bastante técnica com pontos de ultrapassagens na temporada de 2014 tive a felicidade de subir ao pódio na CLA AMG Cup”, complementa o piloto.

O piloto Roger Sandoval conta com os patrocínios de DBS Envelopamento e Multiprático.

Schaefer Assessoria
Foto: Andre Kotomam

Release: Equipe Sette Car vence em Santa Cruz



Segue release recebido da equipe Sette Car Racing:

No último domingo (17), em Santa Cruz do Sul, foi realizada a segunda etapa do Gaúcho de Endurance (Endurance Brasil), o qual contou com 48 carros no grid, separados em 8 categorias. 

Pela T1, largando na segunda colocação, com um Gol G5, 2.0 e 16v, a Equipe Sette Car Racing e os pilotos Aldoir Sette e Marçal Muller voltaram a vencer e abriu vantagem em busca da vitória do bicampeonato – a equipe também venceu a 1ª etapa que foi disputada no Autódromo de Tarumã no fim de semana do dia 12 de abril. 



“A corrida foi muito legal e emocionante, com várias ultrapassagens e disputas e carros teoricamente mais potentes. Com muita força e dedicação eu e meu parceiro, Marçal Muller, impomos um ritmo forte em toda a corrida e com muito desejo de vencer, tudo saiu como planejado. O carro estava muito bom e ajudou muito para que chegássemos a vitória. Mesmo perdido tempo na saída de box da primeira janela, conquistamos o 1º lugar na categoria T1 e chegamos em 13º na geral o que nos deixa muito felizes. Gostaria de agradecer muito a nossa equipe Giocar e Sette Car e aos apoiadores Dacar e ProTune. Agradeço muito a deus e a minha família por sempre estarem comigo. Eu, Marçal e nossa equipe estamos muito confiantes para a próxima etapa, rumo ao BICAMPEONATO. ” Relatou Sette. 

Com a vitória, a equipe mantém o primeiro lugar com 210 pontos. A próxima etapa será realizada no Autódromo de Guaporé no dia 14 de junho. 

Patrocinadores: Ramarim, Woop, Comfortflex, Sette Car, Ferramentas Dambroz e Auto Líder veículos.

Fonte: Divulgação

domingo, 24 de maio de 2015

Onboard mostra Passat Canhão largando de último e chegando em 2º em Santa Cruz

Sentado no banco traseiro!

Faca do dente, sangue no zóio... Largando da última colocação é "colar os relé" e partir para o tudo ou nada! Após quebra da homocinética na 7ª volta quando Cleiton Krause andava entre os ponteiros, Niltão Amaral largou 12ª colocação e chegou em 2º após um pega sensacional com o Voyage "Phoenix" #34 de Arthur Caleffi... Canhão x Lacombe Motorsport sempre dá pega bom!

Pau pegando!

Te afivela aí e vamos lá fazer umas ultrapassagens, frear "pra lá do Deus u livre" e fazer uns drifts na curva 1 de Santa Cruz do Sul, no último domingo (17/05).


Te afivela e vamo pra dentro do Canhão!

sexta-feira, 22 de maio de 2015

Volvo C30 de Bacher/Martini/Paiva vence mais uma no Endurance Brasil


Mais uma vitória. Este foi o resultado do final de semana de Rodrigo Bacher/Júlio Martini/Cícero Paiva a bordo do Volvo C30 preparado pela equipe MC Tubarão.

No treino classificatório, realizado com pista molhada, o carro ficou com a pole da categoria TS, com o tempo de 1:42.620, 20ª colocação geral.


No domingo, numa prova com alguns acidentes e intervenções do safety car causadas pelo elevado número de carros no grid, com 48 largando. Devido ao baixo número de inscritos na categoria, a equipe optou por uma tocada conservadora, para garantir um carro em boas condições durante toda a prova. Ainda assim, o Volvo C30 venceu novamente na categoria TS com 96 voltas percorridas e ocupando a 18ª colocação geral.


"Foi nossa segunda prova em Santa Cruz e acreditamos que ainda temos que melhorar os tempos em função de conhecer pouco a pista. Esperamos que na próxima etapa haja mais carros na nossa categoria para que tenhamos mais emoção para os pilotos e disputa na pista.", disse Bacher.

A próxima etapa será dia 14 de junho no Autódromo Internacional de Guaporé.

A equipe tem o patrocínio de Paquetá Esportes, West Coast, Mídia Mitsubishi, Mídia Premium, ECX Global, Crossfit Ultimate Pirates, Carto Print e Wih.

quarta-feira, 20 de maio de 2015

Endurance Brasil: Romanzini Brothers avança no campeonato, apesar de problemas

Romanzini Brothers no grid em Santa Cruz

Apesar de problemas, avante no campeonato. Assim foi a participação da equipe Romanzini Brothers (Alexandre e Bruno Romanzini) com o Gol #41 na 2ª etapa do Campeonato Gaúcho de Endurance (Endurance Brasil), no último fim de semana, no Autódromo Internacional de Santa Cruz do Sul.

E a chuva, mais uma vez, esteve presente na categoria, fazendo com que a tomada de tempo fosse realizada com piso molhado, chuva que começou fraca pouco antes do início do treino classificatório, deixando as equipes em dúvida. A equipe de Nova Prata optou por arriscar e utilizar pneus para piso seco no Gol #41 2.0 16v, porém o chuvisco não cessou, e as condições foram adversar, com várias rodadas acontecendo, principalmente na sequência de curvas denominada "bota". Assim, o carro classificou-se  em 5º na categoria T1 e 2º na TS.

Gol #41 em ação

No domingo, com tempo firme e ensolarado, foi dada a largada para o incrível grid de 48 carros, número este que, apresar de agradar ao público, tem um "efeito colateral": a grande quantidade de carros provocou muitos acidentes e intervenções do safety car, da mesma forma que na primeira etapa. Alguns problemas mecânicos ocorreram no Gol #41, como a queda do parafuso suporte do câmbio, provocando vazamento de óleo, rapidamente solucionado pela Mecânica Modelo (irmãos Zamin). Além disso, uma pane seca na entrada de reta fez com que o carro perdesse mais algumas voltas. Ainda assim, completaram a prova em 2º na classe TS e 3º na T1.

Pódio em duas categorias

"Apesar de alguns problemas, o carro está bom, e temos ainda alguns "cavalos" a mais para o motor, que poderão ser utilizados nas próximas etapa. Avançamos no campeonato e vamos com tudo a Guaporé para avançar ainda mais", disse o piloto Alexandre Romanzini.

A próxima etapa será dia 14 de junho, no autódromo serrano de Guaporé.

A Romanzini Brothers conta com o patrocínio de Vence Tudo, OuroFértil, Mercado Precinho, MGA Sistemas de Segurança, PPA, Stockmans e Tá na Roda.

Endurance Brasil: após boa largada, princípio de incêndio tira Satti Racing da disputa em Santa Cruz do Sul

Satti Racing no maior grid do Brasil

Após uma excelente largada, o fim de semana terminou complicado para a equipe Satti Racing na 2ª etapa do Campeonato Gaúcho de Endurance (Endurance Brasil), em Santa Cruz do Sul.

O protótipo MCR #96 2.0 8v da equipe, pilotado por Marcelo Vianna/Hardy Kohl Jr./Lucas Kohl mostrou-se rápido durante os treinos, baixando em quase dois segundos a melhor volta em relação aos tempo do ano passado. O efeito colateral, porém, foi o que os freios mostraram-se insuficientes para companhar a evolução do carro, problema este que a equipe conseguiu administrar.

Na tomada de tempo, realizada com pista molhada devido à chuva que iniciou pouco antes do treino, a equipe classificou o carro na 3ª posição da categoria P3 e 15ª geral  num impressionante grid de 48 carros, o maior do Brasil na atualidade.

Apesar de problemas, MCR #96 melhorou desempenho

Realizando excelente largada, Marcelo Vianna colocou o MCR #96 na ponta da categoria P3, seguindo em forte ritmo. No final do seu stint, porém, tendo um acidente que acabou por desalinhar a suspensão do carro. Lucas Kohl assumiu o carro tendo dificuldades para guiar, devido ao desalinhamento, e ao problema do aquecimento dos freios, fazendo uma corrida de sobrevivência, até que o problema em uma tampa de combustível acabou por jogar combustível sobre as partes quentes do motor, causando princípio de incêndio e o abandono da etapa com 1h40min de prova e 48 voltas percorridas.

Apesar dos percalços, o chefe de equipe Eduardo "Sattinho" ressalta o saldo positivo: "Temos uma equipe em que todos estão focados nos mesmos objetivos, estamos sempre buscando a melhora do carro e da pilotagem. O pessoal da NA Carrera nos deu um pneu rápido, o Marcelo andou rápido mas conseguindo poupar o carro, conquistou sete posições na largada, já o Lucas fez seu melhor, mesmo com um carro praticamente inguiável. Sentimos que estamos no caminho certo e que nossa hora vai chegar", disse "Sattinho".

O próximo desafio para a equipe será no dia 14 de junho, no Autódromo Internacional de Guaporé.

A equipe conta com o patrocínio de Brand Têxtil, Kohltrade e Satti Soldas.

terça-feira, 19 de maio de 2015

Copa Classic deu show de disputas em Santa Cruz

Copa Classic alinhada em Santa Cruz

Um show de disputas acirradas, em vários pelotões. Assim foi a 2ª etapa da Copa Classic, realizada no último fim de semana, no Autódromo Internacional de Santa Cruz do Sul.

Apesar do número de carros na pista ter sido um pouco menor que o habitual, o espetáculo dos "Velhozes e Furiosos" não perdeu o brilho.


No sábado foi realizado o treino classificatório que definiu o grid de largada para a primeira bateria, com largada no domingo pela manhã. Pouco antes do início do treino classificatório a chuva esteve presente, e os carros foram para a pista para a classificação com piso úmido, que fez cair um pouco os tempos de volta. Pole position para o Passat #58 de Diego Mariante, que reestréia na categoria, desta vez com novo modelo e visual diferente do seu  Passat TS com o qual correu até ano passado. Completando a primeira fila, o Passat Canhão #8 de Niltão Amaral e Cleiton Krause, ambos da classe FL. Na classe C a pole ficou com Rafael Schipper (Passat #118), e na B com Leandro Becker (Puma GT #44).

Mini Brock x Passat Vianna

Pelotão da classe B, com alguns FL no meio

Na primeira bateria Mariante abriu boa vantagem logo no início. Excelente largada de Schipper, que chegou a assumir a segunda colocação, e também de Arthur Caleffi com o Voyage #34, que largou do fundo do grid e chegou à segunda colocação, posição que confirmou após a quebra de homocinética de Krause com o Passat Canhão. Mais atrás, um duelo de tirar o fôlego, na classe B, entre o Passat #48 de César Vianna e o Mini Cooper #69 de Fernando Brock, que trocaram de posição e disputaram o tempo todo. Já o estreante da etapa, Everton Braz, conseguiu levar o seu Uno #333 até o final da bateria. O Chevette #38 dos irmãos Goulart teve quebra de diferencial, enquanto duelava com o Opala de Rodyvan Möller. Vitória de Mariante, de ponta a ponta. Na B, vitória de Becker, e na C, de Schipper.

Passat Canhão x Voyage Phoenix: duelo nas duas baterias

Na segunda bateria, largando da última colocação devido à quebra, Niltão Amaral iniciou prova de recuperação a bordo do Passat Canhão, ganhando 10 posições e chegando na 2ª colocação, após duelar com Leonardo Flores (Fusca #55) e travar uma disputa acirrada, que durou várias voltas, com Caleffi, que acabou abandonando com quebra de homocinética. O Chevette #38, após árduo trabalho de troca de diferencial, voltou na segunda bateria e venceu na classe C, enquanto Schipper teve problemas de freio. Na B, nova vitória de Becker, e na FL Diego Mariante venceu novamente, com tranquilidade.

A próxima etapa será no dia 14 de junho, no Autódromo Internacional de Guaporé.

1a Prova Copa Classic
Pos. No. Pilotos. Carro Cat.
1 58 Diego Mariante  Passat FL
2 34 Arthur Caleffi  Voyage FL
3 55 Leonardo Flores  Fusca FL
4 44 Leandro Becker  Puma B
5 118 Rafael Schipper  Passat C
6 48 Cesar Vianna  Passat B
7 69 Fernando Brock  MiniCooper B
8 61 Rodyvan Möller  Opala FL
9 3   Wagner Wilke  Fusca B
10 133  Everton Braz/Cleiton Krause  Uno B
11 38  Maurício/Henrique Goulart Chevette C
12 8 N.Amaral/C.Krause Passat B
13 75 Walter Guanabara  Passat B

2a Prova Copa Classic
Pos. No. Pilotos. Carro Cat.
1 58 Diego Mariante  Passat FL
2 8 N.Amaral/C.Krause Passat B
3 55 Leonardo Flores  Fusca FL
4 44 Leandro Becker  Puma B
5 38  Maurício/Henrique Goulart Chevette C
6 118 Rafael Schipper  Passat C
7 69 Fernando Brock  MiniCooper B
8 48 Cesar Vianna  Passat B
9 3   Wagner Wilke  Fusca B
10 75 Walter Guanabara  Passat B
11 133  Cleiton Krause/Everton Braz  Uno B
12 34 Arthur Caleffi  Voyage FL